Área Restrita

Inovações para otimizar processos dentro do RH

Inovação. Essa é a palavra do momento no mundo corporativo. Com tantas – e rápidas – mudanças nas tecnologias, nos processos e nas formas de se comunicar, tudo precisa ser mudado, transformado e melhorado, inclusive dentro da área de recursos humanos.

Para a master executive coach e especialista em RH, Talitha Zamplonio, além de trazer mudanças e novidades, as inovações dentro do RH têm o objetivo de otimizar e acelerar processos trazendo melhorias para o setor.

Exemplo disso é a forma de fazer recrutamento e seleção de novos funcionários. Hoje, com tantos canais e ferramentas online disponíveis, é possível entrevistar candidatos via Skype, WhatsApp ou qualquer outro canal que funcione como vídeo-chamada. Para Talitha, as entrevistas online possibilitam avaliar perfeitamente as habilidades e competências do candidato, além de reduzir custo e o tempo gasto com a locomoção.

“Pare de colecionar papeis. Tenha um canal de currículos online, onde você possa gerar os filtros necessários para identificar os currículos de acordo com o perfil necessário. Crie processos seletivos automatizados, onde as etapas possam ser acompanhadas via web, os feedbacks aos candidatos e gestores da vida, número de candidatos, entrevistas por vídeo, etc”, indica a especialista.

Para resolver o impasse de liberar funcionários para participarem de treinamentos externos, invista em treinamentos e-learning, ou seja, em conhecimento que pode ser adquirido através de mídia eletrônica e pode ser acessado via web. “Ter um book de treinamentos online, facilita o desenvolvimento do seu capital humano, reduz custos e cada um pode acessar nos horários e locais que se sentirem mais confortáveis”, explica Talitha.

A inovação também pode acontecer dentro da cultura organizacional como um todo, através de um trabalho cultural feito de cima para baixo da pirâmide, para implantar esse conceito de inovação, mudanças e engajamento para resultados.

Por fim, a automatização de processos é um dos pontos mais importantes dentro dessa inovação. De acordo com Talitha, sistemas bem parametrizados, geram facilitações nos processos, agilidade e assertividade, eliminam o retrabalho e facilitam a interação das informações e departamentos.

“O RH precisa ser um facilitador em meio aos inúmeros processos burocráticos, solicitações, alterações de dados. Tudo o que não for necessário ser realizado por papel e presencialmente facilitará o cumprimento dos processos e o engajamento dos times. O que você puder fazer online foque no desenvolvimento com a TI para que as pessoas não precisem estar o tempo todo presenciais dentro do departamento de recursos humanos”, finaliza a especialista.

https://youtu.be/JM9VWp9EiXQ